terça-feira, 30 de maio de 2017

Você conhece seu público-alvo?


Entender qual o perfil do público que vai comprar seus produtos é fundamental para o sucesso do negócio. Modelos, formas, materiais, cores e tecidos podem até ser parecidos com os produtos da concorrência, mas a identidade da marca é que faz a diferença.

Estilo de vida

O consumidor busca se relacionar com marcas com as quais se identifica, que estão de acordo com seu estilo de vida. É preciso saber o que ele procura, e como se diferenciar. Além de faixa etária, nível de renda, profissão, hábitos de consumo e personalidade, por exemplo, é importante conhecer:

  • Locais que frequenta, 
  • Atividades, 
  • Quais seus interesses, 
  • Desafios, opiniões e pensamentos,  
  • O que busca em sua vida.

Quanto maior o mercado, maior a operação

Parece algo simples e primordial para qualquer negócio, mas sabemos que na prática o objetivo é vender para o maior número de pessoas. Porém, quando se espera agradar a todos, acaba não agradando ninguém em específico, e é neste ponto que muitas marcas se perdem. Quanto maior o mercado, mais trabalho e maior custo terá operação. A segmentação é muito importante. Focar esforços em um público específico é o ideal. Muitos nichos começaram a se destacar, como o plus size. Já existem especialistas até em sapatos tamanho 34, por exemplo.

Sua marca já tem uma Persona? 

É um personagem fictício criado com as características e estilo de vida do público-alvo, observadas em seus clientes reais e potenciais. Quanto mais detalhes, melhor. As pesquisas ajudam a identificar mais claramente este perfil. É importante lembrar que gosto pessoal dos profissionais da empresa é diferente do gosto dos clientes. Por isso, trabalhar com este nível de detalhe é mais assertivo.

Os produtos devem estar de acordo com os desejos e expectativas do consumidor. Ter a definição clara de seu perfil facilita o trabalho de todos na empresa, desde a equipe de desenvolvimento de produto até o investimento na comunicação correta. Isto não significa que outras pessoas fora do perfil não possam e vão comprar, porém os esforços são concentrados para o público determinado.

Vender mais é vender melhor. Entenda seu cliente e crie uma relação mais próxima para a marca fazer parte de sua vida.

b2u.com.br/crm


quarta-feira, 10 de maio de 2017

Loja Showroom: o futuro do varejo?


Com o crescimento das vendas online, as lojas físicas tem a missão de encantar ainda mais os clientes. O termo "Loja Showroom" vem da proposta da loja ser a grande vitrine da marca, sem que o cliente saia necessariamente com uma sacola na mão. Este cliente pode comprar online dentro da própria loja, ou vai pesquisar os modelos, perceber texturas, conhecer as modelagens, e assim sentir-se mais seguro para comprar depois pela internet, no conforto de sua casa, no momento que desejar.

Esta é uma prática que já acontece em geral no mercado: visitar lojas físicas e comprar pelo e-commerce. A novidade é que algumas lojas são mesmo somente expositoras, sem venda física.  E o contrário também está acontecendo: lojas online decidem abrir pontos físicos para proporcionar novas experiências para seus clientes.

Como gerar estas novas experiências?

  • Visual Merchandising: a loja deve ser encantadora visualmente;
  • Produtos: valorizar cada produto e proporcionar interações;
  • Experiência de Compra: procure incentivar os cinco sentidos;
  • Diferenciação: oferecer aos clientes serviços exclusivos;
  • Atendimento de Excelência: procurar fortalecer relacionamento
  • Pioneirismo: usar as soluções das novas tecnologias;
  • Infraestrutura: capacitar o canal de distribuição, oferecer entrega rápida;
  • Embalagem: capriche, o evento de recebimento deve superar expectativas.

Vivenciar cada um destes momentos é que vai fazer o cliente sempre visitar sua loja. 

O mundo físico e o mundo digital estão conectados e integrados, para o consumidor ter informações e realizar suas compras como desejar .

O futuro do varejo já é realidade!

b2u.com.br

quarta-feira, 3 de maio de 2017

Você oferece Wi-Fi para seus clientes?


Estamos conectados o tempo inteiro, seja para uso profissional ou pessoal. É preciso acompanhar as mudanças e estar pronto para atender as novas demandas. As pessoas gostam de estar em estabelecimentos que oferecem rede Wi-Fi aberta. É um atrativo a mais para o cliente se sentir satisfeito e voltar, e para a sua marca impactar os clientes de uma forma diferente e moderna.

A qualidade da rede de conexão faz toda a diferença

Atualmente, ter acesso à internet gratuita é até algo esperado, porém, é preciso garantir a qualidade para que o cliente realmente consiga usar. O equipamento instalado deve ser adequado para gerar bom alcance, velocidade e segurança. A segurança é fundamental e, portanto, as conexões de rede de visitantes e da empresa devem ser separadas.

Wi-Fi Marketing

Além de atrair os clientes, que buscam facilidades, o acesso à internet gratuita pode proporcionar ações imediatas no ponto de venda e a captação de um novo banco de dados. As novas tecnologias disponíveis permitem:

  • Exibição de ofertas diretamente no celular do usuário, para usufruir naquele momento.
  • Cadastramento de visitantes que acessam a rede, mesmo se não realizarem compras. 

Assim, você poderá realizar campanhas de comunicação segmentadas para o público de seu interesse. Você consegue estas vantagens com a instalação de um software de hotspot, que garante o controle e a qualidade de conexão que você precisa, com login fácil e integração com as redes sociais.

Que tal seu ponto de venda proporcionar esta experiência?

Conquiste e fidelize mais clientes!

b2u.com.br